Quem nunca passou horas e horas lendo um bom livro, submerso em uma boa história?! Essa é uma prática muito comum na vida de Rafael Libman que, como um bom apreciador de romances e suspenses, nos trouxe hoje indicações de leituras que o deixaram totalmente absorvido pela história marcante.

Começando por “Verity” um dos livros mais famosos da escritora Colleen Hoover. Libman nos conta que, a autora é mundialmente conhecida por seus livros de romance e surpreendeu a todos quando apresentou seu primeiro livro de suspense.

A história gira em torno de uma escritora (Lowen) que é contratada para escrever os últimos livros de uma série de sucesso após a renomada autora Verity, sofrer um terrível acidente que a deixou incapacitada.

As coisas começam a ficar estranhas a partir daí. A escritora, em meio a confusão do escritório de Verity, encontra um manuscrito no qual contém segredos extremamente obscuros sobre sua vida pessoal.

É certo que após o acidente, Verity se tornou incapaz de se comunicar ou demonstrar alguma consciência de estar presente, mas Lowen começa a duvidar até mesmo que o acidente seja real.

Rafael Libman nos conta que se sentiu angustiado durante a maior parte da leitura e que não contava com a reviravolta final, revelou também que Colleen Hoover está trabalhando em uma continuação na qual terá foco no ponto de vista do filho de Verity, declarou que está super ansioso para enfim descobrir o que, naquele manuscrito, de fato, era real.

O livro foi publicado no Brasil em 2018 e explodiu no ano passado. Libman admite  que realizou a leitura em meio a diversas recomendações e hoje, também recomenda.

Aproveitando a oportunidade, Rafael Libman aproveita para falar sobre os outros trabalhos da autora, ele revela que não costuma se interessar por dramas românticos mas se encantou com a história de dois outros livros da autora.

“É Assim que Acaba” é uma história que relata violência doméstica. Lily – personagem principal – conta como tudo o que ela presenciou durante sua infância influenciou em sua vida adulta. O fato, conta Rafael Libman, é que em vários momentos temos a sensação de que se estivéssemos na pele do personagem não aceitaremos aquilo, mas a teoria é muito diferente da realidade. É um livro super interessante e necessário, possuinte de uma avaliação altíssima do público.

Rafael Libman afirma que indica os livros da autora e explana também que a escrita é super fluida e rápida e vem evoluindo muito com o passar dos anos. Vale ressaltar que a autora possui cerca de 19 livros publicados no Brasil e vale a pena conferir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui