A hiperplasia prostática benigna é uma condição natural do corpo mascuino em que há o aumento gradual da glândula prostática, fala o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, médico especialista em urologia, conta à nossa redação acerca do tratamento e das especificidades dessa condição.

Em primeiro lugar, ressalta-se a importância de realizar exames e consultas médicas de forma periódica, tendo em vista que o aumento da glândula pode não ser apenas uma condição natural e sim sinais de algum distúrbio ou infecção, dessa maneira, estar em consonância com um médico acompanhando todos os estágios é de suma importância para averiguar a saúde.

Ademais, esse aumento começa a acometer homens, geralmente, com mais de 50 anos, narra o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes. Por isso, um aumento seguido de queixas de dor e edemas, precisa ser averiguado o mais rápido possível a fim de descartar a ideia de outras doenças presentes, como até um câncer.

A princípio a hiperplasia não causa nenhum problema mais grave de saúde, contudo, esse aumento pode prejudicar ou incomodar algumas atividades do dia a dia, como, por exemplo, expelir a urina. Com a glândula prostática aumentada, há uma compressão na uretra, causando, assim, certa dificuldade para urinar, o que causa incômodo em muitos homens, pois há a sensação de que a bexiga não foi totalmente esvaziada.

O tratamento envolve fármacos que visam diminuir o tamanho e barrar o aumento da próstata, bem como medicamentos chamados de alfa-adrenérgicos que possibilitam a dilatação do canal da uretra, ocasionando, dessa forma, uma facilidade maior ao urinar, enfatiza o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, co-autor do livro Urologia Minimamente Invasiva. Ademais, se nenhum tratamento solucionar o problema, um procedimento cirúrgico é indicado para devolver a qualidade de vida ao paciente, relata o Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, dessa maneira, há uma incisão onde está localizada a obstrução da uretra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui