Um grupo de ativistas pretende distribuir pequenas quantias de maconha a adultos que forem se vacinar contra a Covid-19. A ação incomum pode acontecer em Washington, capital dos Estados Unidos, quando a imunização estiver disponível para uma parcela maior da população. A campanha batizada de “Baseados por Vacinas” é uma iniciativa da ONG DC Marijuana Justice, que luta pela ampliação da legalização da maconha. O objetivo é celebrar a “ocasião histórica” e encorajar mais pessoas a se imunizarem, além de chamar a atenção para o trabalho do grupo.

Em carta endereçada à prefeita de Washington, Muriel Bowser, o grupo diz que muitos usuários de cannabis desconfiam da ciência. Atualmente, o uso medicinal da maconha é permitido em 36 dos 50 Estados americanos. Em 15 Estados também é permitido o uso recreativo. Ativistas em outras partes do país, como em Michigan, planejam iniciativas semelhantes. Ainda não há data certa para a campanha, mas a expectativa é de que ocorra na primavera do Hemisfério Norte.

*Com informações da repórter Lívia Fernanda