Um estudo preliminar realizado por pesquisadores da Universidade de KwaZulu-Natal indica que a vacina desenvolvida pela empresa norte-americana Novavax tem 51% de eficácia contra a variante da Covid-19 da África do Sul, a B.1.351. O estudo de segurança e eficácia de fase 2 do imunizante foi feito com cerca de 4 mil voluntários sul-africanos, onde a mutação é mais comum. O ensaio foi publicado como pré-print no portal científico medRxiv e o resultado precisa ser revisado por pares.

Aproximadamente 30% dos participantes já haviam sido infectados pelo coronavírus quando se inscreveram. Os que receberam injeções de placebo tiveram a mesma probabilidade de contrair a Covid-19 do que os que foram vacinados, segundo os pesquisadores. “Entre 94% dos participantes sem HIV, a eficácia geral da vacina foi de 60,1%. O estudo não foi desenvolvido para detectar eficácia na pequena população de pessoas que vive com HIV”, afirmaram. Já dentre os voluntários que foram infectados pela variante B.1.351, a eficácia de proteção depois da imunização foi de 51% entre os participantes com HIV negativo.

Além disso, de acordo com os pesquisadores, a vacina da Novavax foi eficaz na prevenção contra a variante B.1.351 do coronavírus. Já a evidência de infecção anterior com o Sars-CoV-2 original não conferiu proteção contra a mutação. “Essa descoberta tem implicações significativas na saúde pública, para criação de estratégias de controle da pandemia, desenvolvimento de vacinas e esforços para implantação”, escreveu a equipe.

Outro estudo

O último estudo sobre a Novavax demonstrou que a vacina tem 89% de eficácia contra o coronavírus em estudos realizados no Reino Unido. A fase 3, última antes da aprovação do imunizante, envolveu 15 mil voluntários entre 18 e 84 anos de idade — 27% dos voluntários tinham mais de 65 anos. O país, que já tem três vacinas aprovadas para uso, agora espera uma rápida aprovação da Novavax. O Reino Unido comprou 60 milhões de doses da vacina, que também será produzida localmente, em uma fábrica na região de Middlesbrough.