A atacante do Atlético de Madrid e da seleção brasileira feminina, Ludmila, testou positivo para a Covid-19, segundo informou o clube nesta quarta-feira, 06, em suas redes sociais. Segundo o Atlético, a jogadora não apresentou sintomas e está em isolamento domiciliar como recomenda os protocolos de segurança das autoridades sanitárias espanholas. O positivo veio após uma rodada de exames de rotina antes da partida contra o Rayo Vallecano, pela 14ª rodada do Campeonato Espanhol feminino, disputada nesta quarta. O jogo terminou empatado em 1 a 1. O Atlético é o quarto colocado na tabela, com 28 pontos, a três do líder Real Madrid.

Em suas redes sociais, Ludmila apenas compartilhou o comunicado do clube e não se pronunciou sobre seu estado de saúde. A atacante de 26 anos está no Atlético de Madrid desde 2017 e se tornou a primeira brasileira contratada pela equipe espanhola. Por lá, venceu duas edições do campeonato nacional e nesta temporada é a artilheira do time com dez gols, um a menos do que a artilheira da competição, a espanhola Esther Gonzalez, do Levante.