Em conversas com clientes, um grande fabricantes de utensílios domésticos de vidro, a Nadir Figueiredo, afirmou que não está dando conta da demanda por seus produtos. O ritmo de produção sustenta apenas 40% da carteira de pedidos do setor. Isso às vésperas do período mais lucrativo do ano para o varejo.

É uma série de produtos industriais em falta no país. Plástico, vidro, cerâmica, entre outros, estão em falta e varejistas não possuem mais a opção de importar — somente para 2021.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

 

Continua após a publicidade