O irascível conflito entre Marcelo Odebrecht e seu pai, Emílio, chegou a um patamar inimaginável. As três filhas de Marcelo, Rafaella, Marianna e Gabriella, acionaram a Justiça para retirar Odebrecht do nome.

O trio, que já teve bens bloquedos pela Justiça em consequência da querela familiar, culpa o avô. “Conceitualmente,
quem deixou de ser um Odebrecht foi Emílio, ao dar as costas a família, filho e netos”, justificaram ao Radar.