O BNDES está iniciando os estudos para viabilizar a privatização do Parque Nacional das Cataratas do Iguaçu. A expectativa é que a concessão para a exploração do parque seja finalizada no início de 2021. Grupos privados já informaram do interesse ao Radar Econômico.

Atualmente, o parque é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que repassa o direito de exploração à iniciativa privada. A concessão termina este ano e o novo modelo repassará 100% da administração à iniciativa privada. Os recursos serão divididos entre o governo federal e o estado do Paraná.

Em 2019, o parque recebeu a visita de 2 milhões de turistas, sendo a metade deles estrangeiros. Este ano, devido à pandemia de Covid-19, caiu pela metade o índice de visitantes.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Continua após a publicidade