A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou na noite desta segunda-feira, 9, que suspendeu temporariamente os testes em humanos da vacina CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceira com o Instituto Butantan, após “evento adverso grave” em 29 de outubro. A suspensão surpreendeu o governo do Estado de São Paulo. Nesta terça, o órgão convocou coletiva de imprensa para explicar a decisão. Segundo a Anvisa, a decisão foi “técnica” e “reforça a credibilidade do protocolo vacinal vigente”. Ainda nesta segunda, o governo do Estado de São Paulo, que firmou parceira com o laboratório Sinovac, afirmou que o primeiro lote com 120 mil doses da CoronaVac chegaria em 20 de novembro.

Acompanhe a coletiva de imprensa da Anvisa ao vivo: