Uma consulta pública anunciada pela Anatel pretende discutir a migração de emissoras de rádio de frequências AM para FM. As sugestões e contribuições fundamentadas e devidamente identificadas devem ser enviadas pelo sistema interativo de acompanhamento de consulta pública até o dia 9 de novembro. Uma das principais mudanças no regulamento vai ser a disponibilidade de uma faixa estendida, sendo criadas as frequências de 76.1 FM até 87.5 FM.

Na consulta, também deve ser tratada a liberação de canais FM convencionais, das frequências 88.1 até 107.9, para migração de rádios AM em algumas praças. O processo também é acompanhado pelo Ministério das Comunicações, que é a favor da migração. De acordo com a pasta, hoje existem 390 solicitações no país de emissoras pedindo para ingressar nas faixas FM. O plano engloba diversas capitais como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Salvador, Porto Alegre e Curitiba, além de outros municípios como Campinas, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Londrina e Joinville.

*Com informações do repórter Levy Guimarães