O atacante Robert Lewandowski, do Bayern de Munique, denunciou à Justiça o agente Cezary Kucharski, que administrava a carreira do jogador, por extorsão, segundo veiculou nesta sexta-feira, 23, a revista alemã “Der Spiegel”. De acordo com a matéria, um advogado do centroavante polonês explicou que o empresário pediu um valor em dinheiro que para não fossem divulgados “conteúdos” que poderiam manchar a reputação do artilheiro. A denúncia foi apresentada junto à justiça da Polícia, e o Ministério Público do país confirmou a informação para o veículo dei informação local.

A publicação informa que a denúncia foi precedida por outra apresentada por Kucharski, em que o agente acusa Lewandowski e a mulher dele, Anna, entre outras coisas, por ter desviado vários milhões de euros de uma empresa em que era sócio do jogador. O ex-empresário do atacante exigiu uma indenização de 39 milhões de zlotys (R$ 56,2 milhões). O jogador polonês nega as acusações e se recusou a firmar um acordo extrajudicial, segundo documentos que a “Der Spiegel” revelou que publicará na próxima semana.

Enquanto isso, Robert Lewandowski brilhando nos gramados. Depois de participar da goleada sobre o Atlético de Madrid, em jogo válido pela Liga dos Campeões, ele e o restante da equipe do Bayern se preparam para o confronto contra o Eintracht Frankfurt, marcado para o próximo sábado, 24, pelo Campeonato Alemão.

*Com informações da Agência EFE